Cuidado com a utilização indevida do nome da GhFly! Saiba mais

O Impacto da Inteligência Artificial, Cultura e Inovação no Marketing em 2024

Nathálya Soviersovski

26/01/2024

À medida que adentramos em 2024, o cenário do marketing apresenta constante evolução, impulsionado por inovações tecnológicas, mudanças nas expectativas dos consumidores e desafios emergentes. Este panorama não apenas reflete as tendências atuais, mas também antecipa as transformações que moldarão o futuro da indústria. Neste contexto dinâmico, exploraremos dez tópicos – de acordo com a pesquisa do Kantar IBOPE Media – que definirão o ambiente de marketing em 2024, abrangendo desde a ascensão da Inteligência Artificial até as nuances da cultura e sustentabilidade.

1. AI will find a way (A IA encontrará um caminho)

Com 67% dos profissionais de marketing expressando otimismo em relação à Gen AI, fica evidente que a Inteligência Artificial (IA) está ganhando espaço como uma ferramenta indispensável. À medida que avançamos em 2024, a expectativa é que a IA se integre ainda mais profundamente nas campanhas publicitárias, promovendo uma personalização de conteúdo mais refinada e impulsionando inovações em uma escala sem precedentes.

2. Culture comes first (A cultura vem primeiro)

A pesquisa da Kantar MONITOR indica que a maioria dos consumidores valoriza marcas alinhadas aos seus valores pessoais. As marcas que não se alinharem às mudanças culturais correm o risco de enfrentar repercussões negativas, tornando crucial a sincronização cultural. Com 80% dos consumidores “fazendo um esforço” para comprar de marcas alinhadas às suas causas, a cultura torna-se ainda mais essencial.

3. Brand control vs cancel culture (Controle de marca vs cultura do cancelamento)

Com a democratização das opiniões nas redes sociais, as marcas precisam equilibrar a autenticidade com a prudência. Em 2024, a gestão de influenciadores e a autenticidade se tornarão ainda mais críticas, enquanto as marcas navegam por um terreno cada vez mais complexo. O aumento para 59% nos gastos com influenciadores em 2024 reforça essa tendência.

4. Making sense of attention and emotion (Compreendendo atenção e emoção)

A captura da atenção do consumidor é uma prioridade crescente. Ferramentas como codificação facial e rastreamento ocular ganharão destaque, ajudando os profissionais de marketing a entender melhor o envolvimento emocional dos consumidores. A atenção é vista como fundamental por 60% dos profissionais para mídias eficazes e por 66% para efetividade criativa.

5. Holistic measures of success (Medidas holísticas de sucesso)

A sustentabilidade e o impacto social estão se tornando métricas fundamentais para o sucesso. Esse ano, as marcas que equilibram lucro, planeta e pessoas serão vistas como líderes de mercado, refletindo uma abordagem holística, especialmente considerando que 42% das empresas incorporaram métricas de sustentabilidade em 2023, um aumento significativo em relação aos 26% de 2021.

6. Radical innovation to boost sustainable brand growth (Inovação radical para impulsionar o crescimento sustentável da marca)

A inovação, especialmente a sustentável, é crucial. Em 2024, as marcas que adotam inovações radicais serão recompensadas com um crescimento significativo, estabelecendo-se como pioneiras em seus setores. Marcas inovadoras proporcionam 3x mais crescimento do que aquelas que não são percebidas como inovadoras.

7. Challenger brands break through (Marcas desafiadoras se destacam)

Marcas menores estão ganhando espaço, desafiando as gigantes do setor. Por isso, é importante continuar inovando para atender nichos específicos, explorando estratégias centradas no consumidor e enfatizando a sustentabilidade. Metade dos consumidores prefere comprar de marcas menores em vez de grandes marcas globais.

8. The rise of premiumisation (A ascensão da premiumização)

A premiumização é uma resposta à inflação e às mudanças nas preferências do consumidor. Em 2024, as marcas que adotam estratégias de precificação sofisticadas se destacarão, maximizando o valor percebido e as margens. Estas estão adotando estratégias avançadas de gestão de preços para manter e melhorar seu poder de precificação.

9. In Search of… life beyond the search bar? (Em busca de… vida além da barra de pesquisa?)

No universo digital atual, a simples barra de pesquisa já não é suficiente para capturar a complexidade das intenções dos consumidores. À medida que as tecnologias de pesquisa online se aprimoram, as marcas enfrentam o desafio de ir além das consultas básicas. Isso implica entender as motivações reais e os desejos ocultos por trás de cada pesquisa. Portanto, é imperativo que as marcas reavaliem e ajustem suas estratégias digitais. O objetivo? Criar experiências que não apenas respondam às consultas dos consumidores, mas que também antecipem suas necessidades e desejos, proporcionando interações mais significativas e personalizadas em diversos pontos de contato.

10. Retail gets into the ad business (Varejo entra no negócio de publicidade)

À medida que o comércio eletrônico continua a dominar o cenário de compras, o varejo expande seu território, tornando-se também um espaço para publicidade estratégica. No entanto, essa transição vai além de simplesmente oferecer espaços publicitários. É fundamental que os varejistas se posicionem como plataformas de publicidade confiáveis e eficazes. Isso significa que a medição independente e a validação de campanhas publicitárias se tornam mais cruciais do que nunca. As marcas, ao investirem em publicidade no varejo, precisam garantir que estão alcançando seu público-alvo de maneira eficiente, obtendo assim o máximo retorno sobre o investimento. Portanto, a transparência e a precisão na medição se tornam essenciais para estabelecer relações de publicidade bem-sucedidas no ambiente varejista.

Conclusão:

À medida que avançamos em 2024, o cenário de marketing passa por mudanças significativas, impulsionadas por avanços tecnológicos, expectativas crescentes dos consumidores e desafios emergentes. As marcas que conseguirem alinhar estratégias inovadoras com uma compreensão profunda da cultura, sustentabilidade e engajamento do consumidor estarão bem posicionadas para se destacar. Em um ambiente cada vez mais competitivo, a capacidade de adaptar-se e antecipar as mudanças do mercado será crucial para o sucesso a longo prazo.